This Page is not available in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Estudantes Casos de Sucesso Filipe Mariano
FILIPE MARIANO

Mestrado em Informática de Gestão

1. Após a licenciatura em Engenharia Informática, o que motivou o seu ingresso no Mestrado em Informática de Gestão também no IPS?

Escolhi o IPS para continuar os meus estudos devido à sua localização e qualidade de ensino. Como vivo e trabalho em Setúbal, o IPS sempre foi a principal opção para prosseguir os estudos no ensino superior. Após terminar a Licenciatura em Engenharia Informática soube da existência do Mestrado em Informática de Gestão, em que as principais Unidades Curriculares incidiam nas áreas que trabalho diariamente. Como tal, de modo a aprofundar os meus conhecimentos decidi candidatar-me com a perspetiva de colher alguns frutos com as novas aprendizagens/conhecimentos que iria adquirir.

2. Sabemos que recebeu prémios de mérito académico, durante os seus estudos no IPS. Qual o significado de ver o seu trabalho reconhecido?

Ao longo do meu percurso escolar no IPS recebi quatro distinções pelo excelente aproveitamento escolar. Duas delas foram atribuídas pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior no âmbito das bolsas de mérito que atribuem às várias Universidades e Politécnicos. Os outros dois prémios foram atribuídos pelo IPS em parceria com o Banco Santander, em que fui distinguido como melhor aluno que terminou a licenciatura na Escola Superior de Tecnologia de Setúbal do IPS (ESTSetúbal/IPS), em 2009, e como melhor aluno que terminou o mestrado na ESTSetúbal/IPS, no ano 2012. É muito bom ver o esforço e dedicação durante a Licenciatura e mestrado que conclui no IPS serem reconhecidos desta forma.

3. Em que medida considera que o Mestrado valorizou os seus conhecimentos? E contribuiu para a abertura de mais portas no mercado de trabalho?

O Mestrado em Informática de Gestão foi importante para adquirir novos conhecimentos. Com a constante evolução tecnológica é importante renovarmos e adquirirmos novos conhecimentos e com esse intuito o mestrado foi um bom contributo. O mestrado acabou por abrir algumas portas e uma delas foi a de me ter candidatado a docente na ESTSetúbal/IPS e na qual me encontro, desde o corrente ano letivo (2016/2017), a lecionar.

4. Como decorreu a sua integração a nível profissional? Quais os locais onde tem vindo a desempenhar funções? E como surgiu a recente oportunidade de ser Docente no IPS e qual a sensação de regressar no papel de Professor?

A minha integração a nível profissional correu bastante bem, fruto dos conhecimentos adquiridos no IPS e da entidade que me acolheu quando iniciei a minha atividade profissional. Ao longo dos anos tenho vindo a desempenhar as funções de Programador e Gestor de Projetos. Desde que frequentei a licenciatura na ESTSetúbal/IPS que gostava de lecionar e transmitir todos aqueles conhecimentos que obtive durante o meu percurso académico, assim como as experiências vivenciadas no âmbito da minha atividade profissional ao longo dos 8 anos de experiência que tenho.

Ao ter conhecimento do concurso de Docentes na área de Informática que iria decorrer para o IPS, decidi candidatar-me e felizmente fui aceite. Foi com grande orgulho que recebi a notícia de que iria lecionar na escola onde estudei durante 5 anos e que tão boas memórias me traz.

5. No futuro quais as suas perspetivas e o que espera alcançar ao ter apostado no aprofundamento de conhecimentos com o Mestrado?

O aprofundamento de conhecimentos através do Mestrado foi bastante benéfico, até no ponto de vista teórico. Tendo os Mestrados uma forte componente teórica, foi importante para consolidar conhecimentos e melhorar a capacidade de abstração que tantas vezes é importante na análise de problemas para quem é Programador.

6. Que dicas e conselhos deixaria aos atuais estudantes de Mestrado em Informática de Gestão?

Aconselho os atuais estudantes do Mestrado em Informática de Gestão a terem a persistência e a força de vontade necessária para concluírem e que no final vão ver o vosso esforço ser recompensado. Para futuros estudantes que se interessam nas temáticas abrangidas pelo Mestrado, esta é uma boa oportunidade de consolidarem e adquirirem novos conhecimentos.

dezembro de 2016