This Page is not available in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Candidatos Candidaturas Provas M23 Candidaturas a Acesso Avaliação das Provas
AVALIAÇÃO DAS PROVAS
Informação Geral
Condições de Acesso e Pré-requisitos
Avaliação das Provas
Fases do Processo
Calendário
Provas Tipo
Júris
Legislação
FAQ's
Candidaturas
Resultados


COMPONENTES DA AVALIAÇÃO
A avaliação da capacidade para a frequência dos cursos superiores do IPS integra:
  • A apreciação do currículo escolar e profissional do candidato, efetuada com base na informação fornecida na ficha curricular;
  • A avaliação das motivações do candidato, efetuada com base na carta de motivações;
  • A realização de uma prova escrita de avaliação dos conhecimentos e competências considerados indispensáveis ao ingresso e progressão nos cursos do IPS;
  • Caso o júri entenda necessário, poderá incluir ainda realização de uma entrevista, para esclarecer as motivações ou informações da ficha curricular.

CLASSIFICAÇÃO
A classificação final será obtida através da ponderação dos diferentes itens de avaliação:

  • A avaliação do currículo escolar e profissional do candidato - 50% da nota final;
  • A avaliação das motivações - 20% da nota final;
  • O resultado da prova escrita de conhecimentos - 30% da nota final.

Todas as componentes da avaliação serão classificadas numa escala numérica de 0-20. Aos candidatos aprovados, o júri atribuirá uma classificação final, expressa no intervalo 10-20 da escala numérica inteira de 0-20. Caso a classificação final seja inferior a 10, o candidato será classificado como Não Aprovado.

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

A. CURRÍCULO ESCOLAR E PROFISSIONAL
O currículo escolar e profissional será avaliado nas seguintes componentes, tendo em atenção o curso a que se candidata:

  1. Formação académica e profissional
  2. a) Habilitações académicas (ciclo completo mais qualificado que possui; caso possua um ciclo incompleto, o ano mais avançado que frequentou. Exigida a entrega de comprovativos)
    b) Ações ou cursos de formação profissional que frequentou (quando o número de horas não estiver explicitado, serão contabilizadas 6 horas por cada dia de formação e 3 por meio dia)
    b.1) Na área de formação do curso a que se candidata (exigida a entrega de comprovativos)
    b.2) Noutras áreas de formação (exigida a entrega de comprovativos)
  3. Experiência profissional (exigida a entrega de comprovativos)
  4. Participação em atividades de natureza cívica (ex. juvenis, desportivas, religiosas, voluntariado, …) e outras consideradas relevantes
  5. Trabalhos/produções originais (por trabalho/produção original entende-se todo e qualquer material original concebido pelo próprio, em autoria ou coautoria, de natureza artística, científica ou tecnológica. Ex.: sob a forma de artigo, livro, equipamento, software, obra de arte ou qualquer outro artefacto. Exigida a entrega de comprovativos, quando adequado)
  6. Competências linguísticas
  7. Outra informação que o candidato considere relevante, não contemplada nos itens anteriores.
É exigida a entrega de um currículo escolar e profissional associado à candidatura a cada curso.

B. MOTIVAÇÃO
A motivação para o ingresso no curso a que se candidata será avaliada, através da carta redigida em modelo próprio anexo ao boletim de inscrição, nas seguintes componentes:

  1. Relevância do curso no projeto pessoal;
  2. Proximidade geográfica da sua área de residência/trabalho;
  3. Conhecimento do curso e da Escola onde o mesmo é oferecido;
  4. Conhecimento da área profissional do curso, de atividades relacionadas com o curso e das saídas profissionais do mesmo.

É exigida a entrega de uma carta de motivações associada à candidatura a cada curso.

C. PROVA ESCRITA DE CONHECIMENTOS
A prova escrita de conhecimentos é obrigatória e realiza-se em data a anunciar, respeitando o calendário aprovado.

A forma e o conteúdo da provas escritas de conhecimentos são definidos, para cada curso, pelo Conselho Técnico- Científico da Escola em que o mesmo é ministrado, sendo afixadas na Escola e neste portal.

O local, data e hora de realização da prova de conhecimentos são definidos pelo júri, afixados na Escola e divulgados neste portal até três dias úteis antes da realização da mesma.

A prova é classificada numa escala numérica de 0-20.

REAPRECIAÇÃO DAS PROVAS

É possível requerer a reapreciação das Provas, mediante o pagamento de ¤30,00. Este valor será devolvido caso a classificação resultante da reapreciação seja superior à anteriormente obtida.

De acordo com o regulamento do concurso, prevalece a nota da reapreciação, ainda que esta seja inferior à primeira.