This Page is not available in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Especialistas em Educação finlandeses formam docentes do IPS

Programa em Practice-Based Research estreia-se no ensino politécnico português

Dois docentes finlandeses, da Universidade de Ciências Aplicadas de JAMK (Faculdade de Educação de Professores), dinamizaram no Instituto Politécnico de Setúbal (IPS), entre 4 e 8 de fevereiro, uma ação de formação em Practice-Based Research - PBR (Investigação Baseada na Prática), que envolveu cerca de 40 docentes das suas cinco escolas.

##1## ##2##

O plano de formação, que vai prolongar-se até outubro de 2019, contemplando ainda um período de sessões de orientação/apoio online e uma segunda semana em regime presencial, visa apoiar o corpo docente do IPS no desenvolvimento e consolidação de metodologias pedagógicas ativas, tendo em vista, em última instância, o sucesso académico dos seus estudantes e uma maior competitividade no mercado de trabalho.

Leena Kaikkonen, reputada especialista em Educação com mais de 20 anos de experiência internacional na área da formação de professores do ensino superior, é a responsável pedagógica por este programa em PBR, que pela primeira vez chega ao ensino superior politécnico português.

"Parece-nos que os politécnicos em Portugal estão numa fase de abrirem as suas asas na área da investigação e consideramos que este tipo de abordagem permite uma maior conexão com as empresas e as organizações", explica a formadora. Para Leena Kaikkonen, "também se trata do facto de os politécnicos terem um papel diferente no contexto do ensino superior, o que se deve traduzir numa investigação que é baseada no desenvolvimento de práticas próprias". "Não se trata de copiar o que as universidades estão a fazer, mas de afirmar a sua identidade enquanto politécnicos", conclui.

A ação insere-se no programa de Formação e Desenvolvimento Profissional Docente do IPS e, entre os seus objetivos, contempla a capacidade de integrar o mundo do trabalho no processo de ensino-aprendizagem, bem como de desenvolver e implementar projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, reforçando a ligação do IPS às empresas e organizações locais, regionais e nacionais.

Sendo uma referência mundial na área da Educação, a Finlândia tem na Faculdade de Educação de Professores da Universidade de Ciências Aplicadas de JAMK, congénere do IPS, uma entidade formadora com vasta experiência na implementação de projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, à escala nacional e por todo o mundo. A sua intervenção, desde a década de 90, deixou rasto na Europa, Sudoeste Asiático, Oriente Médio, América do Sul, África e Rússia.

11 de fevereiro/2019

Opções
Últimas Notícias
IPS celebra recém-diplomados e novos estudantes
Oficina Lu Ban Portuguesa em destaque no II Fórum Empresarial da AISET
Sessão de acolhimento aos novos estudantes | 23 de setembro
Docente Albérico Afonso recebe Medalha de Honra de Setúbal
CONGRESSO IPS | 3 e 4 de outubro